4 técnicas de limpeza dental usadas pelos dentistas

 In Para Dentistas, Público em geral

A escovação diária e o uso frequente do fio dental, certamente, são grandes aliados para uma saúde bucal impecável. No entanto, mesmo com os cuidados básicos em dia, pode ocorrer a formação de tártaro e placa bacteriana nos dentes. Por esse motivo, realizar uma visita periódica ao dentista é essencial.

É no consultório do dentista que uma profilaxia ou destartarização é realizada, procedimento também conhecido como limpeza dental, que só pode ser feita por um profissional.

Conheça agora as 4 técnicas de limpeza dental usada pelos dentistas que podem te ajudar a manter tanto a saúde quanto a boa aparência de seu sorriso!

Limpeza dental padrão

A mais simples das técnicas de limpeza dental é a limpeza padrão. Nela, o profissional remove a placa bacteriana e o tártaro utilizando somente os instrumentos apropriados para essa atividade, como ponta ultrassônicas, curetas e jatos de bicarbonato. Após a remoção e higienização, os dentes são polidos e recebem uma aplicação de flúor.

Essa técnica não apresenta necessidade de anestesia, porém, quem sofre com a sensibilidade nos dentes, deve conversar com o dentista para analisar se é necessária a aplicação de uma anestesia tópica.

É recomendado que esse procedimento seja realizado de 6 em 6 meses ou de 3 em 3 meses, dependendo da saúde bucal do paciente.

Desbridamento de boca cheia

Também conhecido como limpeza extensiva, o desbridamento de boca cheia é uma limpeza um pouco mais complexa, geralmente recomendada ao paciente que não se submete ao procedimento de limpeza dental a mais de 1 ano, ou ainda, para quem apresenta um estágio mais avançado de surgimentos de tártaro e placas nos dentes.

Esse procedimento é muito similar à limpeza padrão, onde todo o acúmulo de tártaro é removido e os dentes polidos, porém com o acréscimo de uma irrigação antimicrobiana, aplicado embaixo da gengiva, afim de potencializar os efeitos da limpeza extensiva.

Aplainamento de raiz e dimensionamento de profundidade

Não se trata de um procedimento, mas de um tratamento que pode precisar de algumas sessões. O dimensionamento de profundidade e o aplainamento de raiz são realizados em quem apresenta alguma doença periodontal, e consiste em um tratamento mais complexo do que os dois primeiros apresentados.

Isso porque, além de contar com a remoção de tártaro e de placa bacteriana acima e abaixo da linha da gengiva, esse tratamento envolve a aplicação de antibióticos locais e irrigações antimicrobianas. O aplainamento da raiz, por sua vez, suaviza a superfície das raízes dos dentes, eliminando a rugosidade e ajudando em uma cicatrização mais rápida.

Limpeza periodontal

A limpeza periodontal é, na verdade, a extensão do tratamento de dimensionamento de profundidade e aplainamento de raiz. Não é realizado em toda a boca, como no primeiro caso, mas somente nas regiões que ainda não apresentaram a melhora esperada.

É importante lembrar que tanto esse tratamento quanto o anterior são realizados sob o efeito de anestesias locais, para eliminar a dor e garantir o conforto do paciente.

Gostou do artigo? Então aproveite para curtir a nossa página no Facebook e fique por dentro de todas as novidades do blog da TePe!

Recent Posts
Comments

Leave a Comment