A importância de manter o aparelho limpo

 In Aparelhos Ortodonticos, Público em geral

Ter um “sorriso de artista”, atualmente, não é nem um pouco incomum no Brasil: o uso de aparelhos ortodônticos para modificações estéticas ou funcionais da arcada dentária está cada vez mais popular no país. No entanto, o que pouca gente sabe é que esses aparelhos, sobretudo os fixos, podem trazer o efeito contrário ao desejado quando não são higenizados corretamente, causando mau hálito, cáries e até problemas mais graves como a periodontite.

Para assegurar-se de que seu tratamento vai te dar aquele sorriso, sem correr o risco de afastar as pessoas por causa de outras problemas, continue lendo nosso post!

Placa e tártaro

A presença do aparelho fixo aumenta consideravelmente o acúmulo de placa e tártaro nos dentes em que ele está posicionado. Esses acúmulos, se não forem eliminados, podem ser um risco para a saúde bucal do indivíduo. Para evitar esse tipo de problema, é preciso ter ainda mais atenção que o normal no momento de escovar os dentes, já que o cuidado com os espaços onde pode sobrar algum tipo de resíduo ou sujeira tem que ser maior.

Cáries

Existe uma lenda sobre a relação entre aparelho fixo e a incidência de cáries dentárias. Muitas pessoas fogem do uso desse tipo de aparelho por afirmarem correr risco de desenvolver cáries com mais facilidade do que indivíduos que não fazem esse tratamento. É importante esclarecer que as causas de cáries dentárias em pessoas com aparelho são exatamente as mesmas em pessoas que não o usam: a falta de higienização. A cárie é consequência do acúmulo de resídios e tártaro a longo prazo, e não da presença de um aparelho fixo.

Gengivites e periodontite

Caso seja encontrada alguma cárie dentária ou um acúmulo anormal de placa e tártaro, é necessário realizar o tratamento ou limpeza imediatamente. A manutenção desse estado de baixa higiene bucal pode levar o indivíduo a desenvolver gengivites e quadros de canal que, apesar de poderem ser tratados pelo dentista, são processos desconfortáveis. A gengivite avançada pode levar à periodontite, que é considerada mais grave, já que pode danificar nervos, raízes dentárias e coroas, demandando um tratamento mais invasivo e complexo.

Como escovar dentes com aparelho?

O aparelho fixo é feito a partir de um mecanismo completo que, apesar de assegurar a movimentação correta dos dentes e da arcada, também dificulta bastante a sua higienização local. Veja, passo a passo, a maneira certa de escovar os dentes com aparelho:

  1. Logo após a refeição, faça um bochecho com água pura para remover quaisquer excessos de alimentos ou resíduos entre os componentes do aparelho.
  2. A seguir, passe o fio dental, que pode ser utilizado com a ajuda de um passa fio ortodôntico, um instrumento parecido com uma agulha.
  3. Depois, coloque a escova paralela ao aparelho e escove, em posição de 45º, todos os dentes, passando as cerdas da escova entre o fio do aparelho e os dentes.
  4. Use a escova interdental (aquela que parece uma escovinha de mamadeira) para fazer o toque final em alguma região não higienizada.
  5. Por fim, não se esqueça de escovar a parte interna dos dentes e a língua.

Visite sempre seu ortodontista

Para completar seu tratamento e garantir que sua arcada esteja sendo higienizada corretamente, faça visitas regulares ao seu ortodontista. Além de ajustar o trabalho que o aparelho está realizando em seus dentes, ele também vai te auxiliar a reforçar a higienização, prevenindo várias doenças bucais.

Ficou com alguma dúvida sobre como garantir a limpeza do seu aparelho? Fale conosco nos comentários abaixo!

Recent Posts

Leave a Comment