Anestesia em ruivos pode ser mais difícil.

 In Profissionais da saúde

Um estudo publicado na revista especializada The Journal of the American Dental Association , sugere que os ruivos são mais sensíveis à dor por causa da mutação de um gene que afeta a cor dos cabelos.

O gene MC1R produz melanina em pessoas com outras cores de cabelo, mas, nos ruivos, uma mutação resulta na produção de outra substância, que por sua vez resulta nos cabelos vermelhos.

Esse gene também está ligado a uma família de receptores que inclui os receptores dos sinais de dor no cérebro, e por isso a mutação parece afetar a sensibilidade do corpo.

O estudo foi concentrado no medo das pessoas de ir ao dentista e concluíram que os ruivos têm duas vezes mais chances de evitar cuidar dos dentes no consultório por causa da dor.

Outros estudos já haviam indicado que os ruivos precisam de mais anestesia do que as pessoas com outras cores de cabelo.

Fonte: site da BBC Brasil (08-11-2009)

Para ler a íntegra da matéria acesse: http://migre.me/5U6ix

Comentário do blogueiro:

Apesar dos estudos sobre o tema procederem, é importante dizer que essa descoberta é um guia para a melhora da qualidade de atendimento profissional e não um motivo de pânico para essa parcela da população.

Nenhum dos estudos sobre o tema sugeriu dosagens de anestésico, além dos limites de segurança, para obter o efeito em ruívos. Não há razão para sensacionalismos diante dessa nova evidência, que se presta a melhor orientação dos profissionais na suas condutas de rotina.

É importante saber que esses pacientes podem precisar de anestésicos de efeito mais prolongado ou mesmo de maior potência, diante da necessidade terapêutica avaliada.

Também é importante lembrar que nem todos os ruivos estão inclusos neste grupo de “mais resistentes aos anestésicos”. Trata-se de uma tendência proporcionada pela genética e não de uma ocorrência obrigatória.

Recent Posts