Escova de dente – uma das maiores evoluções da humanidade.

 em Público em geral

Ao verificar a variedade de escovas modernas existentes no mercado, achei interessante voltar no tempo e buscar fontes que justificassem com clareza a primeira versão registrada desse recurso, que recentemente foi eleito por uma pesquisa do M.I.T, nos EUA, como a maior invenção da humanidade, superando concorrentes fortes, como é do nosso conhecimento.

Das fontes visitadas, a mais clara foi a revista Superinteressante, que na sua 10ª edição afirmou que a escova mais antiga de que se tem notícia foi encontrada numa tumba egípcia de 3.000 anos a.C. Era um pequeno ramo com ponta desfiada até chegar às fibras, que eram esfregadas contra os dentes.

A primeira escova de cerdas, parecida com a que conhecemos, surgiu na China, no fim do século XV. Feita de pelo de porco, as cerdas eram amarradas em varinhas de bambu ou pedaços de ossos. Muito tempo depois, percebeu-se que as escovas de pelos de animais juntavam umidade, prejudicial à higiene da boca, por causar mofo. Além disso, as extremidades pontiagudas das cerdas feriam as gengivas. O problema seria resolvido com o surgimento da escova de dente com cerdas de nylon, em 1938, nos Estados Unidos.

Em 1973 a TePe produziu a sua primeira escova de dentes. Apesar de já existirem registros, foi somente no final dos anos 80 que as escovas interdentais adentraram o grande mercado de consumo. A TePe – como uma das precursoras desse recurso, aguardou os excelentes resultados das investigações clínicas a que submeteu o seu produto, para só então comercializá-lo neste período. Rapidamente se tornou líder de mercado no segmento e, até hoje, é a marca mais utilizada por boa parte dos países europeus que prezam por níveis extremamente baixos de cárie e doenças gengivais.

Atualmente as empresas sérias do segmento compartilham da preocupação com a qualidade dos produtos e os efeitos ao meio ambiente. Vejam o caso dessa empresa:

Qualidade

Tepe está certificada com a ISO 9001:2000, uma norma de qualidade internacional, que inclui toda a empresa. Esta certificação significa que a nossa produção é sempre de elevada qualidade, voltada a satisfação do cliente e a criação de novos e seguros dispositivos para a promoção de saúde bucal. Um diálogo constante com o profissional da odontologia é uma parte importante do nosso compromisso com a qualidade.

Meio Ambiente

Tepe é certificada com a ISO 14001:2004. Isso significa que a escolha dos materiais utilizados preza pela qualidade e pela repercussão dos nossos produtos e no acondicionamento e descarte futuros – Além de criar produtos diferenciados, preocupam-se com formas de produzir o menor impacto ambiental possível, sem comprometer a segurança dos produtos, questões de qualidade ou condições de saúde.

O fato é que a maior invenção do mundo não parou por aí. Ela segue em franca evolução e perseguindo maior eficiência e facilidades para todos os usuários interessados nas suas grandes repercussões à promoção de saúde.

Publicações recentes