Líderes da odontologia mundial convidam para o FDI2010.

 In Profissionais da saúde

Foro de disseminação de conhecimento científico e tecnologia que contribui com o desenvolvimento da odontologia e a promoção da saúde bucal em todas as populações, o FDI 2010 acontece em Salvador (BA), entre os próximos dias 2 e 5 de setembro. Cirurgiões-dentistas e estudantes brasileiros pagam metade na inscrição

O Brasil está a poucos dias de sediar a edição deste ano do mais importante evento da Odontologia, o Congresso Anual Mundial da Federação Dentária Internacional (FDI 2010), trazido ao País pela Associação Brasileira de Odontologia (ABO). Na próxima semana, entre os dias 2 e 5 de setembro, milhares de cirurgiões-dentistas, pesquisadores, autoridades políticas e representantes da iniciativa privada da área odontológica e da saúde em geral se reúnem no Centro de Convenções da Bahia, em Salvador, para compartilhar da programação do evento, que tem mais de 150 atividades desenvolvidas por especialistas de todos os continentes e cujo tema é Saúde Oral para Todos: Desafios Locais, Soluções Globais.

Essa é a segunda vez que o Brasil sedia o congresso da FDI, e muita coisa mudou desde 1981, quando o evento aconteceu no Rio de Janeiro. À época, o País já se colocava na vanguarda ao discutir a promoção da saúde bucal das populações através do desenvolvimento científico, tecnológico e político da odontologia. Quase três décadas depois, o Brasil conta com cerca de 1/4 do total de cirurgiões-dentistas do mundo, uma das mais proficientes comunidades científicas odontológicas e indústria superavitária no setor ? avanços que, para o presidente do FDI 2010 e da ABO, Newton Miranda de Carvalho, acarreta grandes responsabilidades.
?A odontologia brasileira é, a exemplo do território nacional, um gigante. Mas nossos desafios são igualmente grandiosos. É com essa vontade de contribuir com soluções globais para desafios locais, como sugere o tema do FDI 2010, que recebemos a comunidade odontológica internacional de braços abertos.?

Newton Miranda de Carvalho, presidente da ABO e do FDI 2010

No evento serão discutidas estratégias de promoção da saúde bucal em todas as populações, e a epidemia global de cárie será um dos principais assuntos abordados. Segundo o Ministério da Saúde, no Brasil crianças de 12 anos de idade têm média de 2,8 dentes cariados, perdidos ou obturados. O problema se repete em diversos países: dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) apontam que 60% da população infantil mundial têm cárie. Leia mais.

E as contribuições vêm também da indústria mundial, como explica o presidente da FDI, o brasileiro Roberto Vianna. ?O apoio da indústria ao FDI 2010 já ultrapassa o da edição anterior do evento, tanto em termos de participação de expositores quanto de patrocinadores. Além disso, o programa científico do congresso tem como diferencial o fato de estar associado a uma série de inovações?, orgulha-se o primeiro latino-americano a presidir a entidade máxima da odontologia mundial.
Superavitária há quase uma década, a indústria odontológica brasileira é um dos atrativos da exposição comercial do FDI?2010, que vai contar com cerca de 300 expositores de todos os continentes apresentando avanços tecnológicos da odontologia, novos equipamentos e produtos para finalidades. A indústria médico-hospitalar e odontológica nacional deve exportar US$ 650 milhões até o fim do ano. Leia mais.

Roberto Vianna, primeiro latino-americano a presidir a FDI.

Mais informações: www.fdi2010.com.br

Prof. Rodrigo Guerreiro Bueno de Moraes
Cirurgião-Dentista | Mestre em Odontologia pela Universidade Paulista | Membro da Sociedade Brasileira de Periodontia e da American Academy of Periodontolog

Recent Posts