O que faz a mulher desistir de um tratamento de saúde?

 In Profissionais da saúde

Recentemente tive a oportunidade de conversar com a Dra. Flávia Conti, especialista brasileira em reprodução humana assistida do Centro de Investigação em Reprodução Humana – São Paulo, sobre os motivos que levam uma paciente do sexo feminino a abdicar de um tratamento de saúde.

A especialista relembrou que, na última edição do Congresso Europeu de Reprodução Assistida, houve a apresentação de um importante trabalho científico em que foram listadas as principais causas que levaram um grupo de pacientes pré-selecionadas a adiarem o sonho do tratamento médico para auxiliar à gravidez.

Pela ordem: 1º. Lugar (aspectos emocionais), 2º. Lugar (aspectos físicos e/ou relacionados com a saúde geral) e, finalmente, em 3º. lugar (aspectos financeiros). Ao que parece esse é um comportamento que reflete o perfil dessa parcela crescente e dominante da nossa população e que deve ser considerado por todos os segmentos profissionais da promoção de saúde.

Esse achado recomenda a reflexão de todos, especialmente dos ?prestadores de serviço de convênios?, com as suas ?velozes sessões? de 15 a 20 minutos, aonde tudo é estabelecido (anamnese, exame do paciente, diagnóstico, prognóstico e plano de tratamento)…será que isso realmente funciona?

Prof. Rodrigo Guerreiro Bueno de Moraes
Cirurgião-Dentista | Mestre em Odontologia pela Universidade Paulista | Membro da Sociedade Brasileira de Periodontia e da American Academy of Periodontology.

Recent Posts