Ortodontia para adultos com perda óssea acentuada.

 In Profissionais da saúde

Aparelhos dentários ? recursos cada vez mais úteis e seguros para crianças, jovens e adultos.

Para desmistificar a crença de que os adultos que necessitam da correção do alinhamento dentário, não podem apresentar sinais de perda de osso ao redor dos dentes, foi publicado, no ano de 2004, um importante estudo sobre o tema.

A investigação permitiu estabelecer a sequência mais adequada para a correção ortodôntica de portadores de acentuado nível de destruição dos tecidos periodontais.

O autor considera que o reposicionamento dos dentes pode colaborar com a longa preservação da arcada dentária, pois facilitaria a manutenção da boca pelo paciente ? desde que preservados os bons hábitos de higiene entre os dentes e de escovação regular das regiões expostas da superfície dentária e respeitados os prazos de visita ao profissional responsável pelo acompanhamento clínico dos pacientes.

Autor: Bauer, Flávio Paim Falcão.

Título: Tratamento ortodôntico de pacientes portadores de periodontite agressiva

Fonte: São Paulo; s.n; 2004. 30 p. (Bireme) http://bases.bireme.br

Resumo:

A doença periodontal agressiva provoca a destruição rápida dos tecidos periodontais de suporte de um ou mais dentes de um mesmo paciente. Como seqüela desta doença podemos ter a migração dentária de um ou mais elementos. Durante o tratamento periodontal, em alguns casos, podemos utilizar a movimentação ortodôntica para melhorar a posição deste ou destes dentes o que acarretaria uma melhora no controle da placa bacteriana e na condição estética do paciente. A proposta deste trabalho é, através de uma revisão da literatura, analisar a utilização dos recursos da ortodontia na correção das má posições dentárias em pacientes portadores de periodontite agressiva. Concluímos que:

1) a movimentação ortodôntica em pacientes portadores de periodontitite agressiva é viável;

2) antes da movimentação ortodôntica o paciente deverá ser submetido a tratamento que elimine ou controle os fatores etiológicos da doença periodontal;

3) aplicação de força nos dentes destes pacientes deverá ser cuidadosa.

Prof. Rodrigo Guerreiro Bueno de Moraes
Cirurgião-Dentista | Mestre em Odontologia pela Universidade Paulista | Membro da Sociedade Brasileira de Periodontia e da American Academy of Periodontology

Recent Posts