Saúde bucal: saiba como ela pode afetar seu desempenho nos esportes

 In Público em geral

Todo mundo sabe da importância de fazer exercícios físicos para uma boa saúde. As academias de ginástica ganham cada vez mais adeptos e as pessoas estão abandonando o sedentarismo para viver mais e melhor. O que pouca gente sabe é que o desempenho nos esportes pode ser diretamente afetado pela saúde bucal. Ficou surpreso? Então leia esse artigo e saiba mais sobre o assunto!

Saúde bucal e suas consequências

A falta de cuidados com a saúde bucal tem consequências que podem ir muito além da região dos dentes e da língua: problemas bucais podem comprometer outras partes do organismo com mais potência do que pensávamos.

A má-oclusão dental — um problema comum que consiste no desalinhamento entre as arcadas —,  por exemplo, pode fazer com que o paciente não consiga fechar a boca adequadamente. Isso gera problemas de mastigação, dificultando o aproveitamento perfeito da energia contida nos alimentos, o que é péssimo para um atleta. Outro ponto importantíssimo é a respiração: o esforço extra da respiração pela boca afeta diretamente o desempenho esportivo.

As infecções também não podem ser desprezadas: quando não tratadas adequadamente, elas podem liberar bactérias para a corrente sanguínea até outras partes do corpo, originando problemas graves como a endocardite bacteriana.

Como cuidar da saúde bucal

O atleta que quer melhorar seu desempenho nos esportes precisa estar atento aos cuidados mais básicos, como a escovação frequente e o uso do fio dental. A língua também não pode ser deixada de lado: um raspador lingual é mais do que indicado e ajuda a remover uma grande parte das bactérias que ficam alojadas na região.

E, para quem pratica esportes de alto impacto, um protetor bucal também é recomendável. Um dente quebrado pode ser uma porta de entrada para contaminações, bem como inflamações oriundas de pancadas na mucosa oral podem causa males crônicos na região, minando a saúde local.

Os protetores bucais podem ser personalizados, de forma que atendam à anatomia e às necessidades de cada esportista. É importante que sejam usados tanto na arcada superior quanto na inferior, de forma a proteger todos os dentes de traumas e lesões.

O inimigo oculto

Apesar de estarem na mídia em propagandas e anúncios de grande destaque como amigos dos atletas, as bebidas isotônicas estão entre as principais vilãs de uma boca saudável. Elas não somente são ricas em açúcar, que favorecem o desenvolvimento de bactérias, como também acabam reduzindo o pH local, o que propicia a formação de cáries.

Procure hidratar-se com água em abundância e só invista em bebidas isotônicas se você praticar atividades de alto desempenho e longa duração, pois elas acabam repondo os sais minerais perdidos com o suor excessivo.

E então, entendeu como a saúde bucal pode afetar seu desempenho nos esportes? Se você gostou do conteúdo e quer receber artigos como esse em primeira mão, não deixe de assinar a nossa newsletter!

Recent Posts
Comments
  • Silvia Dall'Igna
    Responder

    A saúde começa pela boca! Cuide de seus dentes!

Leave a Comment