fbpx

Como montar uma gestão de consultório odontológico eficiente?

 Em Para Dentistas

Você é um excelente dentista e está sempre muito bem informado sobre as melhores tendências do mercado, logo o seu sucesso em uma clínica está garantido, certo? Não é bem assim! A gestão do consultório odontológico é muito mais ampla do que somente o conhecimento técnico da profissão. 

Um bom gestor precisa dominar ou contar com assessoria em questões inerentes como: controle de estoque, gerenciamento orçamentário, marketing, entre outras áreas que são vitais para o sucesso de um negócio. 

Caso seja essa a sua principal dificuldade atualmente no mercado, nós preparamos esse artigo especialmente para você consolidar uma eficiente gestão de consultório odontológico. Vem com a gente! 

4 erros comuns que não se pode cometer na gestão de consultório odontológico

A seguir elencaremos os quatro erros mais cometidos na gestão de consultórios, assim você poderá ficar mais preparado para evitá-los e planejar soluções: 

1. Não qualificar os profissionais de atendimento

Podemos dizer que esse setor é o cartão de visita do seu consultório. O colaborador desta posição é responsável por todos os contatos com os pacientes, desde a marcação da primeira consulta até o final do tratamento. 

Além disso, eles também respondem por outras questões burocráticas. Alguns profissionais de odontologia não oferecem treinamento a pessoas deste setor, o que é um erro. Qualificar o time de atendimento é uma forma de fidelizar o paciente e potencializar sua visibilidade no mercado. Pense nisso!

2. Deixar de definir metas a curto, médio e longo prazo

Toda a empresa precisa ter previsibilidade de suas ações, no que diz respeito a seu projeto de expansão, visando preparar o negócio para crescer, ou se adequar a possíveis imprevistos como uma crise econômica, entre outras adversidades. 

No âmbito da saúde bucal, também não é diferente. A gestão de consultório odontológico consiste em implementar um planejamento para definir posicionamento de mercado, investimentos, ações de marketing, entre outros aspectos.

Essas medidas são essenciais para nortear tomadas de decisões sobre o seu consultório odontológico diante do mercado. 

3. Adiar o investimento em marketing

Você ainda tem dúvida sobre destinar recursos ou não para o marketing digital? O Brasil tem atualmente 140 milhões de usuários nas redes sociais, o que corresponde a 66% de habitantes no Brasil. 

Portanto, não estar na internet de forma estratégica é um erro que pode ser prejudicial para seu consultório ou clínica. 

Pensando nisso, não perca tempo! Conte com uma consultoria especializada em publicidade, com o objetivo de interagir com pacientes em potencial, buscando divulgar a sua marca e serviços.

4. Não investir em tecnologia de automatização

Muitos dos gargalos que impõem desafios aos dentistas no dia a dia dizem respeito a ausência de softwares especializados em gestão de consultório odontológico no ambiente de trabalho. 

Esta tecnologia permite otimizar o tempo, dar velocidade a resolução de algumas questões rotineiras como controle de estoque, armazenamento de receitas e diagnósticos, ferramentas de envio automático de mensagens, entre outros. 

4 formas de aperfeiçoar o gerenciamento 

Após checar as falhas, visando mostrar o que você definitivamente não pode fazer durante o processo de gestão de consultório odontológico. Agora, nós separamos algumas orientações para você fazer esse gerenciamento de forma eficiente. Olha só!

Armazene os arquivos em um só espaço

Com certeza no seu consultório é necessário registrar uma série de dados de pessoas físicas e jurídicas. 

Entretanto, é importante contar com softwares especializados para fazer esse armazenamento diário, inclusive com backups periódicos, proporcionando maior segurança e eficiência no registro dos dados do seu negócio. 

Faça a gestão de estoque dos produtos

Essa é uma das principais funções dentro da gestão de consultório odontológico, pois é importante ter previsibilidade sobre a quantidade de insumos disponíveis no consultório. 

Entre os itens que precisam de controle estão equipamentos, material de escritório para um consultório odontológico, produtos de higiene bucal, entre outros. 

Conte com marcas de qualidade

Trabalhar com marcas que são referência de mercado que podem agregar valor significativo ao consultório, tanto do ponto de vista de visibilidade e aumento de receita, quanto da percepção gerada ao paciente. 

A TePe tem sólida expertise em oferecer as melhores soluções em higiene bucal, com o objetivo de contribuir para a saúde das pessoas, mantendo os dentes sempre fortes e saudáveis. 

Quer saber mais sobre a TePe? Acesse o artigo: Conheça a TePe: fabricante de escovas de dentes, que está também aqui no nosso blog.

Invista na fidelização dos pacientes

Conquiste as pessoas desde o primeiro contato delas com seu consultório, visando proporcionar a elas a melhor experiência. 

As pessoas vão se engajar com você e se tornarão multiplicadoras do seu trabalho, agregando visibilidade profissional e, aumentando a possibilidade do seu negócio crescer. 

Como posso contar com a TePe no meu consultório odontológico?  

Você pode montar kits para seus pacientes com os mais diversos produtos de qualidade da TePe. Basta acessar agora mesmo a Loja FNL para conferir as condições especiais para dentistas. Será um prazer ajudá-lo.

Posts Recentes

Deixe um comentário