fbpx

Mau cheiro em implantes dentários: como resolver o problema?

 Em Implantes Dentários, Prótese, Público em geral

O mau hálito em implantes dentários pode ser causado por diversos fatores, porém não deve ser visto como algo comum. Este problema requer cuidado e atenção.

A halitose, ou o mau hálito, além de causar problemas bucais como a gengivite, pode provocar danos também à auto estima, afinal não há nada mais constrangedor do que estar com um mau cheiro bucal em público.

Mas não se desespere! O mau hálito em implantes dentários pode ser resolvido de forma simples.

No artigo de hoje você irá entender quais são as possíveis causas do mau cheiro em implantes dentários e como isso pode ser resolvido.

Acompanhe!

O que causa mau cheiro no implante dentário?

Se a sua boca está com um odor diferente, é sinal de que algo não está certo e o primeiro passo será diagnosticar o problema para que ele possa ser tratado corretamente.

Como citado acima, alguns fatores podem causar a halitose e o principal deles é a má higienização dos dentes e dos implantes.

Ao contrário do que muitos possam pensar sobre os implantes, eles requerem tanto cuidado e higiene como qualquer outro dente natural. Pois, apesar de se tratar de um dente artificial e não ter problemas comuns como a cárie, a falta de higiene pode causar doenças e inflamações bucais mais sérias.

Isso porque, entre o implante dentário e a gengiva, existe um espaço onde frequentemente fica um acúmulo de alimentos e a falta de limpeza ou até mesmo a limpeza incorreta, pode alterar não só o seu hálito e a sua saúde bucal, como também comprometer o implante dentário.

Outra causa que pode provocar o mau cheiro em um implante dentário é a falha na adaptação da prótese com a gengiva.

Por exemplo, se o seu implante é feito de porcelana e você notou algum cheiro diferente, pode ser que a sua gengiva não tenha se adaptado muito bem ao material da coroa e será necessário fazer a substituição, pois caso contrário, a rejeição pode causar outros problemas como:

  • Placa bacteriana;
  • Acúmulo de alimentos;
  • Machucados na gengiva.

Além disso, outra causa do mau cheiro no implante são erros na hora da colocação da prótese.

Alguns exemplos desses erros são a aplicação do implante em uma área onde ocorre o desgaste no osso ou a distância excessiva entre a gengiva e a prótese ou entre o dente implantado e o dente natural, que podem gerar inflamações e machucados, causando o mau hálito.

A halitose pode acontecer tanto com dentes naturais, como em implantes fixos ou móveis e além do mau cheiro pode acompanhar sangramento da gengiva.

Isto é normalmente causado por conta do acúmulo das bactérias que formam a placa bacteriana, e pode estar associada a outras infecções mais graves, como a gengivite e a peri-implantite.

Conforme você viu acima, o implante em si não causa mau hálito. O que causa a halitose é o descuido na hora da higiene e a má eficiência do procedimento.

Por essa razão, é fundamental a escolha de um bom implantodontista na hora de colocar o seu implante dentário, além da escolha de produtos de qualidade para o cuidado com a higiene bucal.

Como resolver o mau cheiro no implante dentário?

O primeiro passo para viver uma vida tranquila e longe do mau cheiro dos implantes dentários, sejam eles fixos ou móveis, é procurar um dentista para fazer o diagnóstico correto, para que assim ele possa indicar o melhor tratamento.

O segundo passo é criar o hábito de realizar a higiene bucal correta e minuciosa para garantir que o mau cheiro passe longe da sua boca.

Mas é importante salientar que a visita ao dentista não deve ser feita somente em casos extremos como esse. O acompanhamento frequente é essencial para a saúde bucal, principalmente após a colocação de implante dentário.

Como fazer uma boa escovação?

A escovação deve ser feita com calma e após todas as refeições.

Deve-se passar a escova por todos os dentes fazendo movimentos circulares na parte interna, já na região frontal o movimento é da gengiva para baixo, certificando de tirar toda a sujeira das cavidades e de toda a área bucal.

Para a limpeza completa é indispensável o uso do fio dental e do enxaguante bucal durante a sua rotina de higiene, esses produtos serão essenciais para prevenir não só o aparecimento do mau hálito, mas também de outros problemas como o tártaro e a placa bacteriana.

As escovas interdentais também serão grandes aliadas para a limpeza do seu implante, isso porque através do seu tamanho e formato elas são capazes de alcançar espaços e vãos menores, evitando assim o acúmulo de sujeira.

E para garantir uma boa escovação e uma higiene eficaz é muito importante usar uma linha de confiança, que entregue visíveis resultados.

A TePe conta com diversos produtos dentais que visam proporcionar conforto e qualidade para você com um custo acessível.

A escova Implante Ortho é ideal para a limpeza de implantes dentários, pois seu design permite uma higienização muito mais eficiente comparado às escovas tradicionais, além de ter cerdas macias, oferecendo mais conforto na escovação.

Já a Universal Care é um modelo de escova que consegue alcançar pequenos espaços e conta com um pescoço angulado para facilitar ainda mais a escovação ao redor do implante, conseguindo limpar facilmente entre a gengiva e a prótese.

A TePe também conta com uma grande variedade de escovas interdentais, para a limpeza dos locais que as escovas comuns não chegam, sendo ideal para implantes dentários.

A marca ainda possui o modelo Interdental Angle, diferencial por ter um cabo alongado que vai garantir mais praticidade e conforto na hora da higienização dos implantes e dentes naturais.

Você pode ver um vídeo rápido e explicativo da limpeza de implantes aqui.

Quer garantir o seu kit de escovas para implante? Acesse o nosso site!

Além dos itens acima, fique à vontade para conhecer os nossos outros produtos e termine de vez com os problemas com o mau hálito.

 

Posts Recentes

Deixe um comentário