Raspagem da gengiva, quando é necessário o procedimento?

 Em Gengiva, Público em geral

Procedimento rápido e eficaz realizado no próprio consultório do dentista. Entenda neste artigo o que é a raspagem da gengiva e quando ela é necessária!

A raspagem na gengiva nada mais é do que a limpeza para retirada manual do tártaro. O nome pode assustar mas é simples e faz parte do procedimento tradicional que deve ser feito semestralmente na visita ao dentista.

A limpeza profissional dos dentes consegue acabar rapidamente com o placa bacteriana. O tártaro costuma se acumular nos pequenos espaços entre os dentes e na linha da gengiva, formando uma barreira que a limpeza diária mesmo que feita da forma correta não consegue acabar por completo.

As curetas e ultrassom, materiais próprios para o procedimento, devem ser higienizados e esterilizados a cada troca de pacientes para que estejam sempre disponíveis.

Qual a especialidade responsável pela raspagem da gengiva?

A especialidade da odontologia responsável pela raspagem da gengiva é a periodontia. Os dentistas periodontistas são responsáveis por prevenir, diagnosticar e tratar doenças nos dentes, gengivas e estruturas da boca de forma geral.    

Geralmente o procedimento de raspagem e limpeza causa sensibilidade nos dentes durante alguns dias. Podendo ou não gerar sangramentos ao escovar. O incômodo se deve a recuperação da área afetada que antes estava tampada por uma camada de tártaro.

Como prevenir o aparecimento do tártaro

A prevenção da placa bacteriana é bem simples e quase todos os os passos são realizados em casa. Confira 4 dicas para prevenir o aparecimento do problema:

Escovação diária

Para prevenir o acúmulo de tártaro, gengivite, cáries, abcessos, inflamações e lesões na gengiva é recomendada uma escova com cerdas macias ou extra macias. A escovação deve ser feita após cada refeição ou no mínimo 3 vezes ao dia. A boa empunhadura da escova é essencial para evitar que o paciente se machuque.

Limpeza interdental

Para a limpeza interdental ser completa, o paciente deve fazer uso de um fio dental após a escovação e logo em seguida o uso da escovinha interdental da TePe. Disponível em diversos tamanhos, a escovinha interdental limpa as superfícies côncavas entre os dentes.

Alimentação

O acúmulo de tártaro pode ser causado também pela alimentação muito rica em carboidratos refinados. Para auxiliar na saúde bucal é interessante incluir alimentos com ação detergente na dieta. É recomendado o consumo frequente de maçã, pepino, pera, melancia, cenoura e diversos outros.

Visitas regulares

O acompanhamento de perto com seu dentista faz toda a diferença na hora da prevenção. Com limpezas de 6 em 6 meses, se torna mais difícil o acúmulo de tártaro nos dentes e gengivas. As visitas regulares também devem ser feitas para tratar do início problemas bucais que possam aparecer, como a perda óssea.

O mau hálito gerado pela falta de cuidados com a saúde da boca é comum infelizmente. A halitose pode ser solucionada seguindo os mesmos passos descritos acima. Seu sorriso é o cartão de visitas do seu rosto em situações pessoais e de trabalho, não descuide!

A TePe está disponível nas melhores farmácias do Brasil e do mundo, clique no botão e encontre um parceiro nosso perto de você!

Banner Loja Perto de Você

Posts Recentes

Deixe um comentário