fbpx

Como ter um sorriso perfeito em 6 passos

 Em Público em geral

Que o sorriso faz toda diferença, você já sabe! E não é à toa.

Quem não gosta de ser elogiado pelo sorriso que tem?

Mas, como tudo na vida, um sorriso bonito só vem com cuidado e higiene. 

Para te ajudar a ter o sorriso perfeito, nós preparamos um passo a passo super prático pra você colocar em começar hoje mesmo. 

Não importa se você usa aparelho, implante, tem dentes sensíveis ou só é alguém comprometido com a saúde bucal. 

Com estes 6 passos, você vai ter um sorriso incrível!

Vamos lá? 

1º passo – Prevenção antes de tudo

Se você cuidar hoje, não vai ter problemas amanhã.

O cuidado e a higiene preventiva são a chave para ter um sorriso bonito e saudável! Muitas doenças e problemas estéticos podem ser evitados se você mantiver uma rotina cuidadosa com a boca. 

E a regra número 1 para manter a saúde e a beleza em dia é a escovação frequente!

No começo pode parecer excessivo, mas se você soubesse como o acúmulo de comida nos dentes é nocivo para a saúde e perigoso para a estética, você levaria a escovação mais a sério. 

A falta ou a escovação mal feita abrem espaço para todo tipo de problema! 

Primeiro, você começa a desenvolver problemas de saúde como cáries, tártaro e gengivite. 

Depois, a estética do seu sorriso começa a ser prejudicada. 

Sem escovação adequada, os dentes começam a amarelar e placas brancas começam a surgir. 

A língua fica com aquela mancha branca e as gengivas adoecem. E não vamos nem mencionar o mau hálito.  

2º passo – Montar o seu kit essencial de cuidados bucal

Se você está empenhado no projeto “Sorriso Perfeito” você precisa investir em um kit básico de cuidados dentais. 

É como um kit de primeiros socorros que você tem para todo tipo de situação. São itens que você precisa ter para cuidar de cada aspecto da sua saúde e estética bucal. 

Esses itens servem para qualquer pessoa que decide cuidar melhor dos dentes!

  1. Escova interdental: essa escova limpa os espaços entre os dentes. É nesse espaço que cáries, tártaro, inflamação e acúmulo de comida aparecem. Você precisa de uma dessas para evitar esses problemas.  
  2. Mini flosser: extremamente útil para quem não consegue usar o fio dental convencional, mas não abre mão de uma limpeza completa. Eles são do tamanho ideal para passar entre os dentes e remover restos de alimentos e placas dentárias.
  3. Raspador de língua: indispensável para higiene e combate ao mau hálito. As escovas não foram feitas para limpar a língua, o formato e a textura exige uma ferramenta específica. O raspador tira e limpa as placas acumuladas na língua, também conhecida como saburra lingual. 
  4. Easy pick: é o substituto definitivo do palitinho de dente que muita gente ama. Além de ser mais higiênico, também é mais duradouro e seguro para suas gengivas e dentes. você pode descartar depois do uso, mas, por causa da qualidade, você pode usar higienizar e usar novamente. Ele é perfeito para remover aqueles pedaços de alimento que prendem nos dentes. 

3º passo – Procurar um ortodontista para avaliar seu sorriso

Esse passo não é obrigatório, mas é totalmente recomendável se você quer ter um sorriso bem alinhado, que combine com as formas do seu rosto. 

Procurar um ortodontista não significa colocar um aparelho, ok? Existem outras formas mais práticas de alinhar o seu sorriso e melhorar a disposição dos seus dentes, se necessário. 

Mas isso só um especialista vai dizer, então, quando puder, procure um ortodontista para fazer uma análise do seu sorriso e ver o que precisa ser feito para ter um bom resultado. 

4º passo – Manter cuidados a longo prazo

Cuidar da sua boca todos os dias é a melhor forma de manter a saúde e a beleza do sorriso, mas existem alguns cuidados menos recorrentes que ainda precisam fazer parte da sua lista de coisas a fazer.

Ir ao dentista a cada 6 meses é inegociável. Tem questões de higiene e manutenção que só um dentista pode resolver. 

Ele vai checar se há alguma cárie escondida ou se tem algum problema se desenvolvendo. 

Mas você pode se perguntar… “Eu cuido bem dos meus dentes, preciso mesmo ir?”

E a resposta é sim! A higiene é essencial, mas ela não protege de tudo. O dentista vai fazer uma uma avaliação geral do estado de saúde da sua boca, dentes, gengivas, língua e mucosas bucais.

Por isso, não descuide das visitas. 

Trocar sua escova a cada 3 ou 4 meses também é fundamental. Com a fricção, as cerdas começam a perder eficiência na escovação. 

5º passo – Combater o mau hálito

Muita coisa pode causar mau hálito: 

  • língua suja
  • cárie
  • gengivite ou periodontite
  • problemas no estômago
  • sinusite
  • garganta inflamada
  • ou por doenças como diabetes, insuficiência hepática ou renal

Mas vamos tratar da higiene bucal aqui. 

Então, vamos lá…

  1. A primeira coisa é escovar os dentes depois das refeições. Quanto mais tempo você fica sem escovar, mais tempo a comida vai ficar decompondo na sua boca. 
  2. Passe o fio dental para remover pedaços de alimentos presos entre os dentes. Eles também vão se decompor enquanto você não os retirar. 
  3. Use enxaguante bucal sem álcool depois de escovar para deixar a boca mais higienizada e refrescar o hálito. 
  4. Escove a língua e use um raspador. Durante a alimentação, uma camada de placa bacteriana começa a se formar na língua. Se ela ficar lá por muito tempo a placa vai ficando mais espessa e acaba causando mau hálito.  

 Entretanto, se ainda assim, com todos os cuidados bucais, se o mau hálito não for embora, é melhor procurar um médico, pode ser o sinal de outra coisa, ok?

Outra coisa que pode estar causando o mau hálito é a boca seca. A ausência da saliva permite a proliferação de bactérias e o acúmulo de muco na língua, que levam ao mau hálito. 

Se você sofre com a secura bucal, existem duas possíveis razões:

Ou você não está bebendo água suficiente… Ou você tem algum problema de saúde que está ressecando sua boca. 

Se é a primeira opção, vá beber água! 

Se você está bebendo água regularmente, mas ainda assim a secura não passou, é bom procurar um médico. 

Mas aqui está uma solução que pode te ajudar: a bioXtra tem uma série de produtos para ajudar com o ressecamento bucal. 

São repositores de saliva que vão aliviar todo o desconforto da boca seca!

6º passo –  Escolher a melhor escova de dente para o seu caso

Por fim, agora que você sabe que a escovação é a sua melhor amiga, é hora de prestar atenção na sua escova de dente! 

A sua escolha vai determinar muita coisa, inclusive, se a escovação vai ter um bom efeito ou não. 

O que você precisa observar na hora de escolher sua escova, antes de tudo:

  • Escovas muito duras agridem os dentes e as gengivas! 
  • Escovas muito grandes não alcançam todos os cantinhos da boca e espaços entre os dentes. 
  • As cerdas precisam ter formato arredondado, nada de escovas pontiagudas.

Agora, vamos te mostrar qual escova escolher para cada situação

  1. Para quem usa aparelho ortodôntico 

Antes de tudo, a escova para essa situação precisa ser macia, afinal, você está com um aparelho na boca. 

Escovas muito duras podem quebrar o aparelho ou soltar os brackets (uma chatice, não é?).

Aqui algumas opções:

Escova Interdental para limpar entre as pecinhas do aparelho e os dentes. 

Um dos maiores problemas das escovas tradicionais é que elas só escovam o topo do dente, enquanto deixam resto de comida nos brackets e  entre os dentes.

Escova Unitufo é ótima por que alcança partes dos dentes e dos aparelhos que uma escova normal não faz. O formato redondinho limpa o próprio aparelho e impede que restos de comida fiquem acumulados ao redor dos brackets. 

Escova ortodôntica parece uma escova normal, mas não é. Ela tem um design diferente: duas fileiras que limpam os dentes e o aparelho ao mesmo tempo. Ela se encaixa nos espaços mais difíceis e remove a sujeira. 

  1. Para quem usa implantes ou dentaduras 

O implante tem várias vantagens, mas isso não significa que você pode descuidar ou cuidar menos dos novos dentes. 

Implantes são tão vulneráveis quanto dentes naturais. Por isso, você precisa cuidar da escovação do mesmo jeito. 

Aqui estão algumas opções de escovas apropriadas para implantes:

Escova Implante Ortho tem um formato comum, mas funciona de forma diferente: ela tem duas fileiras organizadas para limpar tanto o topo do implante quanto a base. Assim, você limpa os dentes e remove o acúmulo das bases para evitar problemas.

Escova Universal Care (Implante Care) tem cerdas finas e um formato oval para alcançar os espaços entre os implantes e garantir que toda sujeira seja removida das bases dos implantes.

Escova Denture exclusiva para dentaduras e implantes removíveis. Os filamentos são maiores e mais resistentes para fazer uma limpeza completa da prótese. Assim, você tem o cuidado de manter sua prótese bem higienizada. 

  1. Para quem só quer cuidar melhor dos dentes

TePe GOOD tem um formato alongado para alcançar todos os dentes e cerdas arredondadas para não agredir as gengivas e o esmalte dentário. Ótima para uso diário: não escorrega na mão, tem um cabo comprido e serve para toda a família. 

Além disso, essa escova é ecológica, feita à base de cana de açúcar e não agride o ambiente.

Escova Extra Macia feita com 39 tufos de cerdas, essa escova proporciona uma limpeza macia e confortável. Limpa toda a boca sem agredir os dentes e as gengivas. É ótima para quem tem alguma sensibilidade ou está retomando a higiene bucal. 

Escova Compact tem uma cabeça menor que o normal por uma razão muito importante: ela limpa os cantinhos dos dentes que uma escova comum não alcança. Ótima para quem tem arcada dentária menor. 

Gostou do nosso artigo? Compartilhe com os membros da sua família. 

Comece a campanha do sorriso perfeito na sua casa! 

 

Posts Recentes

Deixe um comentário